sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Porque sim!




"Josefa, 21 anos, a viver com a mãe. Estudante de Engenharia Biomédica, trabalhadora de supermercado em part-time e bombeira voluntária. Acumulava trabalhos e não cargos - e essa pode ser uma primeira explicação para a não conhecermos. Afinal, um jovem daqueles que frequentamos nas revistas de consultório, arranja forma de chamar os holofotes. Se é futebolista, pinta o cabelo de cores impossíveis; se é cantora, mostra o futebolista com quem namora; e se quer ser mesmo importante, é mandatário de juventude.

Não entra é na cabeça de uma jovem dispersar-se em ninharias acumuladas: um curso no Porto, caixeirinha em Santa Maria da Feira e bombeira de Verão. Daí não a conhecermos, à Josefa. Chegava-lhe, talvez, que um colega mais experiente dissesse dela: "Ela era das poucas pessoas com que um gajo sabia que podia contar nas piores alturas."

Enfim, 15 minutos de fama só se ocorresse um azar... Aconteceu: anteontem, Josefa morreu em Monte Mêda, Gondomar, cercada das chamas dos outros que foi apagar de graça. A morte de uma jovem é sempre uma coisa tão enorme para os seus que, evidentemente, nem trato aqui. Interessa-me, na Josefa, relevar o que ela nos disse: que há miúdos de 21 anos que são estudantes e trabalhadores e bombeiros, sem nós sabermos.

Como é possível, nos dias comuns e não de tragédia, não ouvirmos falar das "Josefas que são o sal da nossa terra?"

Por FERREIRA FERNANDES, Diário de Notícias





48 comentários:

Anónimo disse...

Acho bem que se faça a devida homenagem. Já que não se fez em vida, que se faça agora.

Uma verdadeira heroína, no sentido bom da palavra e que não designa uma droga.

Por acaso, já tinha lido a crónica quando saíu.

Boa posta, Galiano.

Ainda vais postar mais qualquer coisinha hoje?...

chOURIÇO

Bock disse...

Ganda Zédi, que lh'Arreias como poucos.
Sim senhores, pá.

É verdade, não sei quem foi o panasca, mas estou de acordo: A vara também serve para isto sim senhores.

E que esta merda fique na memória dos magistradors que vierem a julgar esses filhos da puta que todos os anos queimam o país de norte a sul, é o meu desejo.

15 anos era pouco, filhos da puta!

Bock disse...

Ah, já me esquecia: primeiros!!!!

Bock disse...

foda-se, vou-me ali embubadar e já volto.

Mas não me vou embubadar como se não houvesse amanhã. Porque amanhã... há amanhã.

Bock disse...

PRIMEIROS, FODA-SE!

filipa disse...

epá.

vinha numa de avacalhar com a reposta à oferta do zeca, mas já não o faço.

belo post.

para variar.

Bock disse...

Para variar, nada.
A Vara tem belas postas. São anos delas, pimpinha. Até aqui há intervalos de lucidez.

Eu agora neste momento é que não estou num deles, maneiras que, antes que estrague a solenidade do momento, que é mais que justificada, vou fazer de conta que vou ali cagar e volto mais logo.

E renovo os votos que apanhem esses cabrões. Mas não é num Tribunal. É à porta. Uma turba ululante de pouplares enraivecidos era o que essas cornos mereciam.

Isto nem parece coisa minha, e tal, mas foda-se, mereciam. Cabrões. Filhos da puta.

Prontos.

Vou à pergunta de umas jolas ali abaixo.

Anónimo disse...

Podes avacalhar, Pepina Maria.

A vara faz-se com estas coisas todas.

chOURIÇO

Anónimo disse...

E tou de acordo com o Cocas.

Isto, sim, para variar.

chOURIÇO

Anónimo disse...

SEGUNDOS!

chOURIÇO

Zeca Galhão disse...

E por hoje chega.

Agora vou ali, enfardar cenas cheias de colesterol e sorver bubidas porreiras, a ver se espaireço.



Ainda em relação aos bombeiros, há uma palavra, cujo conceito parece passar ao lado de muita gente:
VOLUNTÁRIOS

Pronto. Agora é que já está.


Foda-se, não está nada...

Pipinha,
Não te inibas, cona!
Insulta praí.

Anónimo disse...

Ah, estes cabrões do privado, que saem a horas decentes, cona!

Bah. O meu contrato também é do privado, até prova em contrário.

chOURIÇO

Bock disse...

Também vens comigo fazer de conta que vais cagar?

foda-se, tu é que tás bêbado!

Ou quê?

Hã? Hã? Hã?

filipa disse...

aqui, não.
a resposta está onde deve estar; na caixa de comentários do respectivo post.

e, por hoje, chega.

boas.

g2 disse...

Xau, Fili-pita, gosto mais de ti quando te zangas...

Anónimo disse...

Não, Cocas, o tratamento a dar aos incendiários.

Por hoje ainda não chega e as boas estão de partida. Dizem. Que eu ainda não vi nada.

chOURIÇO

Anónimo disse...

Cala-te, puto Maria-Amélia.

chOURIÇO

Anónimo disse...

E calou-se mesmo, o cabrão...

chOURIÇO

g2 disse...

chÔ-chÔ, também estás com ciúmes???

De resto, sabes bem que não me calarei, já o meu avô foi enforcado no pelourinho... etc...

g2 disse...

Já agora, chÔ-chÔ, tira-me só uma dúvida:

se eu te der a Fili-pita, que é que tu fazes com ela??? Ora diz-me lá, fiquei curioso, agora...

Anónimo disse...

Para me dares a Pepina, pá, terias de ser dono dela, ou, pelo menos, mero possuídor.

Como resulta à saciedade que não deténs nem uma nem outra qualidade, pá, a hipótese mirabolante que aventas não se pode colocar.

Tu trata-te, pá.

Pá.

chOURIÇO

g2 disse...

Tás com medo...

luí disse...

que tristeza

esas cosas nunca debían acontecer.

por que no se queman los que empiezan los fuegos?

ostia

vita disse...

Nada acrescentar, gostei da homenagem:)

Anónimo disse...

Com medo, o caralho.

Com trabalho, ó conedo.

Pronto, era só isto.

chOURIÇO

Anónimo disse...

Cambada de pussies.

chOURIÇO

booberella mobile e ja a buer @ allgarve disse...

Ganda posta. Bom fim-de-semana, pipole.

:-)

Anónimo disse...

Bom fim-de-semana.

Digo eu, sem Allgarve, sem jantar e sem estar no mobile.

chOURIÇO

ostia disse...

bom fim de semana tugas



ps: que calor

filipa disse...

foda-se, este f2 só me desilude.
pá, dá o que é teu, mazé.
deves pensar que esta merda é para dar assim, do pé para a mão.

depois queres nhónhónhó e não sei quê.(aqui fica o tal estalido que o bock faz com a língua, por forma a expressar o meu fastio com a puta da conversa)

Bock disse...

4 online a um sábado de canícula?

Isto das duas uma, ou a Vara está nos píncaros, ou anda para aí muito boa gente sem nada que fazer...

g2 disse...

Fili-pita, não te enfasties, melher..

Isto aqui não é para gente enfastiada.

E sim, quero nhónhónhó e não o sei o qu~e (mas sabes bem o quê, claro...)

filipa disse...

eu sei?
a única coisa que sei é que não há cá nhónhónhó para ninguém.
e também sei e que a ana parece um pónei. um pequeno pónei.
e também sei que hoje é noite de putas e vinho verde.

afinal, sei muita coisa.

g2 disse...

Onde é que vais beber o vinho verde, Fili-pita???

E porque é que estás tão zangada???

Porque a Ana cavalga bem e tu, quiçá, não?

Desabafa, vá, sempre quis padre, eu!

Filipa disse...

tanta pergunta, pá?

quem é que está zangada?

e quem te disse que eu não vou às putas?

e já te disseram que cavalgar, cansa?

e não é que era gaja para estar horas nesta merda?

g2 disse...

Em qual merda?

De qualquer modo, Fili-pita, das tuas palavras ressalta um certo amargo, um certo fel...

Por mor de quê, Fili.pita????

g2 disse...

Eu, quando cavalgo, raramente me canso! Só se a mula for dura, só pele e ossos, ou se não souber ser cavalgada... Que também as há, as que não têm jeito para isso!

Não é o teu caso, pois não, Fili-pita???

Filipa disse...

f2, das minhas palavras, só pode ressaltar uma coisa;
que continuo a mesma ternurinha de sempre.

desculpa, mas não percebi muito bem a tua pergunta (muito perguntas tu, caralho).

queres saber o quê?
se sou pele e osso, se sou dura, se sei ou tenho jeito para ser cavalgada ou se sou mula?

g2 disse...

Pergunto isso tudo:

se és só pele e osso e se sabes ser cavalgada. E, já agora, se sabes cavalgar.

Sou muito curioso, Fili-pita!

Filipa disse...

f2, digamos que sou mula.

por hoje chega de trabalho. agora vou ao vinho verde e, quiçá, às putas.

porta-te.

g2 disse...

Vai e depois volta!!!

Eu vou-me portar bem, podes ir descansada!

Ana disse...

Culinária





A Mocinha chega a casa e diz à mãe:
- Mãe, hoje fiz uma coisa nova com o meu namorado!
- Ai sim? O quê?
- Sexo!
- Ai, minha filha, não digas isso. Quando for falar diz assim... estrelei um ovo!
- Está bem, mãe.
Passados uns dias, a rapariga chega a casa toda contente, depois de estar com o namorado.
Diz-lhe a mãe:
- Estás toda contente... Estrelaste outro ovo, foi?
- Não mãe! Hoje ele lambeu-me a frigideira!



alguém quer ovos estrelados? mexidos? não? uma omelete, talvez? não, ok, vou perguntar a homens a sério, então.

g2 disse...

Ana, desculpa, eu estou comprometido com a Fili-pita, não te posso ir ao ovo!

Bock disse...

Mau...
Ana, quantas vezes é preciso dizer que isto não é um blogue de engate?????



Puto, achas que já tens idade para andar aqui a servir-te desse tipo de prosa?

Não seria prudente e avisado visitares o Disney Channel, ou o site do Panda antes que os teus encarregados de educação se lembrem de ir ver o histórico do PC? Mhhh?

Olha que quem avisa, amigo é!

Depois ainda levas com algum castigo, tipo suspensão de semanada por período indeterminado, ou proibição de jogar na Play Station e depois, no fim, quem acaba por se lixar serás sempre tu!

MAs enfim, tu é que sabes, és puto mas não és inimputável.

Juízinho, hã?

Ana disse...

oh g2, mas a Pipita sabe que estás comprometido com ela?

ela é menina para não se comprometer com ninguém. acredita no que te digo...

e depois, se não lhe disseres nada, eu também não digo :)

g2 disse...

Boquito, pá, eu não ando aqui a engatar ninguém, mas a verdade é que sou alvo de assédio, as gajas não me deslargam!

refiro-me a algumas, claro!

Ana, a Pipita sabe tudo e é melhores pores-te a pau que ela é uma ciumenta do ca...raças!!!

filipa disse...

ahahahahahah

a ana, pôr-se a pau. mais depressa se punha a lamber uma frigideira, pá.

foda-se, ainda estou bêbeda. vou mazé voltar para a cama.

g2 disse...

Anda para a cama, andam que eu tapo-te... e dou-te chá!