sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010






30 comentários:

fpm disse...

1º hetero!

Bock disse...

Só tu para achares isto digno de ser qualificado como 'interessante'.

FPM: resvalas. no lodo. "Há lodo no armário"!

Brraf!

Bom... fiu.

Aliás, fui.

fpm disse...

Acho interessantíssimo, do ponto de vista finexoscat. Afinal são os antepassados cagões do finO, respeito.

Anónimo disse...

Achas então 'interessantes' as fotos de dois bonecos a serem empalados?

Muito revelador, pá!

Mas não precisamos de saber tanto sobre os teus 'interesses', FêPêMê.

Poupa-nos.

chOURIÇO

fpm disse...

Foda-se, não é interessante?

É arte pura, caralho!

Anónimo disse...

Ou é ar de puta, ou é arte dura.

Eça é que é Eça.

chOURIÇO

fininhO disse...

CACHUPA RICA


Ingredientes

500g de frango
500g de carne de vaca de cozer
1 pé de porco
1 chouriço
1 morcela
1 farinheira
150g de toucinho
100g de banha
2 cebolas
3 dentes de alho
1 folha de louro
0,5 l de milho
3 dl de feijão catarino
3 dl de feijoca branca
4 folhas de couve portuguesa
300 g de batata doce (também ponho mandioca)
200g de abóbora
300 g de banana verde
1 ramo de salsa
sal e piripiri

Preparação

Demolha-se o feijão e o milho. No dia seguinte, cozem-se. À parte, cozem-se as carnes e o toucinho. Noutro tacho cozem-se também as folhas da couve cortadas aos bocados, a abóbora em cubos e a banana às rodelas grossas.
Leva-se um tacho ao lume com banha, as cebolas, os dentes de alhos picados, a folha de louro e o ramo de salsa.
Logo que a cebola comece a ficar mole, misturam-se as carnes desossadas e cortadas ao bocados, e as hortaliças, tempera-se com piripiri e adiciona-se a água da cozedura das carnes e a água simples (para não ficar um caldo muito forte).
Ferve um bocadinho em lume brando, para apurar.

Krpan disse...

Deixa-me adivinhar, estes amuletos da sorte maricônça foram encontrados no anterioremente referido eixo Nungunhanha-Maputo?

Aos poucos, o êfe vai descobrindo pistas importantes para aquilo que busca....

Arte, está bem. Já lhe ouvi chamar muitas coisas....

Gimbundo Kimbundo disse...

ò minha mã cando ê morrê,
Ná quéro chóro nê grito,
Quero galinha assada,
Garrafão de cinco litro.

Sim sou eu êfe, Krpan falou que me buscavas...

fpm disse...

...

Carlotta disse...

Ai que giro!

fpm disse...

...

Carlotta disse...

???

fininhO disse...

(.)(.)

Krpan disse...

Foda-se o cu do sandro ainda é melhor do que a cona da mulher do Éfe.
O que eu tenho andado a perder.

fininhO disse...

( . ) ( . )

fpm disse...

Boas mamas, finO.

fininhO disse...

... mas não choras.

Krpan disse...

O finO tem boas mamas? Melhores do que as do sandro?

fininhO disse...

Krpan, TOMA!

Krpan disse...

És homem para me meter isso?

fininhO disse...

TOMA cabrão! mete este.

Krpan disse...

Meto-to quando quiseres, é só pores-te a jeito.

Krpan disse...

Deixa-me só tirá-lo do cu, espera.

Bock disse...

Quem anda aí a quelona o Kasparov e o Sandrete faz o favor de ter algum tino, caralho.

há mínimos, foda-se!!!!

Anónimo disse...

Que treta de conversa que para aqui anda. Desconfio que os moços andam a ser colhonados.

Que imbecilidade, foda-se.

chOURIÇO

fininhO disse...

f5

Zeca Galhão disse...

Foda-se finO! C'a susto, méne

Que campino mais abichanado.
Além de ser parecido com o Chouras, claro!

Anónimo disse...

SPOOOOOORTEEEEEEEM!!!!!!

Bons dias.

Ideenrabarosportistas.

chOURIÇO

Anónimo disse...

Zeca, mene, tu és portista, nao és?

Só podes ser...

chOURIÇO