terça-feira, 23 de março de 2010

POR FAVOR, PRESTEM-ME ATENÇÃO...



Nelson estava a copular com uma senhora que tinha morrido de hidropisia há um mês. Como lhe fazia muita pressão no bandulho saia-lhe líquido esverdeado pelo anús, pelos olhos e pelo que restava da cenaita que já largava delidos pedaços de mucosa com pelos. Nelson resfolegava, revirando os olhos, enquanto lhe empurrava um talo de couve penca pelo recto tentando estancar os esguichos. A última vez que lhe acontecera uma destas foi quando rebentou um quisto hidático cheio de pútridas e pulirantes larvas no cu do cão sarnento e coxo que sodomizara atrás de um talho, o mês passado, mesmo por detrás de um monte ossos cheios de gordura rançosa e varejeiras e que serviria para fazer margarina vaqueiro no ano que vem. Como estava um tudo-nada enjoado fez uma pausa para comer e beber uma água mineral. Desembrulhou o papo-seco com uma talhada de esparguete que trazia embrulhada nos truces e deglutiu com grandes dentadas e engolindo sem mastigar. Como ficou embaçado quase sufocando, não teve outro remédio senão sentar-se na pança da mulher e sorver um esguicho de malcheiroso liquido ensanguentado como quem bebe num bebedouro de jardim daqueles cheios de sarro, folhas podres, beatas e larvas de mosquito. Aliviado, foi limpar-se com um naperon de malha que usava para aconchegar as hemorróidas e que ficou cheio de postas de muco purulento e novelos de pelos púbicos a desfazerem-se que se lhe agarravam ao tarolo .

FIM

46 comentários:

Gonçalves, o abonado disse...

És um bocado doente, pá. No bom sentido, claro.

filipa disse...

foda-se que nojo do caralho. logo hoje que almocei tão bem.

Assento da Sanita disse...

Não te germites.

Assento da Sanita disse...

guermites digo.

Zeca Galhão disse...

Um bocado forçado e escrito à pressa (como uma punheta em horário de expediente na pausa para o café). Ainda assim, bate aos pontos, a sopeira e o Monsanto sem putas.

(Obs#1: Abre os comentários o Eurico, tecendo ambíguos juízos de valor ao outro alucinado)

filipa disse...

ahahahaha

Zeca Galhão disse...

"Killing in the name of
Some of those that work forces,
are the saints that burn crosses


Now ya do what they told ya

Don't you die or justify
You're wearin the badge, and your chosen white
You justify those that died
By wearin the badge and your chosen white

Some of those that work forces,
are the saints that burn crosses

Killing in the name of...

Now ya do what they told ya

Your under control
Now ya do what they told ya

Those who die, are justified,
for wearing a badge and their clothes in white
You justify those that died
By wearin the badge and your chosen white

Come on...
Fuck you, I won't do what ya tell me...

Mutha fucker

Zeca Galhão disse...

Ri-te ri-te...
Quando sentires a bacia a dar de si, até choras.

filipa disse...

ahahahaha o que eu curti ao som disso. era uma gaja mesmo estranha

Gonçalves, o abonado disse...

Sois todos argutos e precisos observadores. Invejar-vos-ia, não fosse dar-se o caso de me estar borrifando para as vossas observações.

Já a sequência Monica -> Propaganda Phillips -> necrofilia hidropísica me parece eminentemente infeliz. Até um portfolio de inspiração playboyesca da D. Tânia imediatamente antes da visita semestral à depiladora me parece convidativo, neste momento...

Nelson disse...

É a glória! finalmente a imortalidade!

Zeca Galhão disse...

Hã?

Cabrões!

Nelson disse...

Obrigado Assento.

Nelson disse...

Zeca, posso ir-te ao cu?

Zeca Galhão disse...

Não.

Assento da Sanita disse...

O quê ó queres ó Gonçalves? Considerações ontológicas acerca da dualidade sujeito-objecto no contexto do registo do Real na psicanálise de Jacques Lacan?

Aqui é mais merda a esguichar do cu do chOURIÇO e malhar na cenaita da filipa!

Nelson disse...

deixa lá?

Assento da Sanita disse...

Se preferes Derrida também se arranja, mas tens que engolir, ´tás a ver?

Nelson disse...

Assento, posso contar contigo?

Assento da Sanita disse...

Uma vez fui DJ num casamento e a minha cassete abria com essa música e a coisa correu (bastante) mal. Ainda bem que trazia os 'Êxitos da Itália Romântica' de reserva.

FILIPA disse...

Nelson, o meu está em promoção. Queres?

Nelson disse...

Não.

Assento da Sanita disse...

Queres que te vá ao cu? Ok. Vai ter à Pransor de Aveiras às 17h e leva Nivea.

Zeca Galhão disse...

Mas ouve-se que é uma maravilha, pás....

Nelson disse...

gosto de rabos com pêlos e tomates pendurados.

Zeca Galhão disse...

O Nelson que vá prá cona da Mandela

(obs#xy: tentativa arrojada de fazer um trocadilho com o nome do nelson)

filipa disse...

FILIPA, se te apanho, mulher, desfaço-te em merda, caralho.

não vamos começar agora a falar de desgraças, pá. deixam lá a cenaita da filipa e o cu da FILIPA em paz.

filipa disse...

zeca ahahahaha

Assento da Sanita disse...

Zeca 15:10: ahahahahahahahahahahahaha!!!!...

Nelsom disse...

por mim estás à vontade, cona.
Zeca Madaleno, posso chupar-te o pirete?

Nelson disse...

Assento, vem antes ter comigo ao Bairro Alto, ali ao Cunhal das Bolas. Aveiras fica fora de mão.

Zeca Galhão disse...

Mau.......já não bastava o Nelson, agora também tenho que aturar o Nelsom?

Gonçalves, o abonado disse...

Eu ainda estou com o sentido na Monica, pá. Olha, um post sobre a Monica a raspar crostas de micose das virilhas e tentar remediar as estrias com banha de porco cortada com cera Duraglit é que...


...errr...

...pensando melhor, deixa lá...

Zeca Galhão disse...

Tenho ali outro quase-post prontinho a sair..

filipa disse...

ahahahahah estou-me a rir até agora

Zeca Galhão disse...

Eu era mais uma cena lésbica entre a Maria Barroso e a Lili Caneças, algures no Martim Moniz...

Gonçalves, o abonado disse...

Se for daqueles com motocicletas não te rales, Zeca...

Zeca Galhão disse...

Claro que estás. Ainda não to empurrei tripa acima.

Zeca Galhão disse...

Não, Frodo, não tem nada a ver com motos.

AdaS, O Atento disse...

(Obs#21. Zeca refere ainda não ter empurrado algo pela tripa da filipa acima sendo que o sujeito implícito dessa frase é o sobrenome do seu prório pseudónimo, caso alguém não tenha entendido)

Zeca Galhão disse...

É para lavar a vista, mas sem a eficácia da Monica, claro.
Bem, 'bora lá, então.
Não te importas, AdaS?

filipa disse...

ó zeca consegue ter tanta piada como o meu chefe, só que ele tem um bom gosto músical que te falta-chamou-me ali ao gabinete para me chatear com umas papeladas e no pc os dzrt.

sim, é gay.

Assento da Sanita disse...

Não, pá. Aquilo é um nojo de texto.

Bock disse...

A producao de conteudos de tipo vareticio-comentaticio em resposta pronta ah proficuidade vareticia-postaticia eh algo digno de se ver, cum caralho ou dois, pahzinhos.

E a mohnica. Ah, che belluccia, cona.

Un portento di corve come al mondo non c'e ne.

che bambola...

Ide usar vossos marsapos turgidos por pensamentos de praticas muito impuras com o Dr. Sousa Martintins para arar um terreno arido e desprovido de terra e onde predominam o quartzo, feldspato e mica.

Bock disse...

Ide alarrgar vossos orificios traseiros (sim, tu tambem limpinha) com um cristal de quartzo benzido por uma mae de santo, mas daqueles assim bueh da grossos.

Um cristal para repartir entre todos que a bencao sai cara, sff...

ostia disse...

blerggg , casi que gomito
perdon.
adoro o FIM del final
é tão naif..

seguro que quiere decir algo

:-)