quarta-feira, 11 de junho de 2008

O FEL

Com sardónico riso e estalando os tacões de verniz vermelho, seu credo vário e incerto, cínico nas palavras e fútil em intenção; pestilento caneiro de sordidez e excrementício linguarejar – vai moendo uma arte menor titubeante de palavras, insultando a Razão, falando em línguas arengada pútrida de ideias vagas; qual macaco néscio falando aos tolos no púlpito da soberba; vai vomitando palavras quais gordas larvas que se requebram em sua boca informe, gosma insana, um trejeito louco nos olhos injectados; estulto-mor, salafrário de pontiaguda e sarnenta mitra, salvando almas e sugando esmolas, lambendo botins de poderosos – títere grotesco de bancos, políticos e criminosos; dizem que devasso em veneais desejos por moços e varões. O meloso enjoo de palavras gorgolejantes, vai, em borbotões de sangue de outrem, o vampiro cuspindo.
Veneno mal disfarçado e sórdido, do mesmo repente lhe saem da boca maldições, anátemas, excomunhões mais as mal misturadas, compassivas e correctas palavras: os apelos apaziguadores e a anuência severa do pai;

Que mandato tendes??!!... Mostrai a tua credencia, a tua celestial bula! Teus decretos serôdios são grotescos arremedos de amor e justiça que - se acreditasses, usurpador de corações - por cada um, as tuas entranhas vertendo a bílis e os humores, no sétimo círculo do Tártaro exibirias: o baço, o fígado, o fel.



Retrato de Girolamo Savonarola, de Fra Bartolomeo (1498).

62 comentários:

tt disse...

Isto assim não vai longe... ai não vai, não.

Haja paciência para estes novos religiosos!

Da-se!

g2 disse...

Realmente...

Não tarda nada, em vez de um barrascal, estamos num mosteiro (nós) ou num convento (vós).

Falem antes de coisas giras, como filas para gasolina, camiões a arder, médicos absolvidos e o ca...piiiiiiiiii a sete!

:)

Assento da Sanita disse...

Era uma provocação caralho. Zelotas da irrelegiosidade.É preciso explicar tudo!

A próxima é sobre sexo em grupo com animais nas traseiras de uma bomba da repsol! Ficam contentes? hã?...

g2 disse...

Por causa de ti já estamos a perder por 1-1, ca..raças!

Sexo em grupo com animais não me entusiasma por aí além.
Só se for por ser atrás de uma bomba da repsol, com sorte, haverá lá gasóleo para o sandrinete.

g2 disse...

O querido da Quicas só joga bem na inglaterra. Deve ser gay, claro.

O guarda-redes português devia ir preso. E tudo por culpa do ADAS, porra.

g2 disse...

Afinal o querido da Quicas parece que se aproveita!

Poças...

VD disse...

Isto agora tá mais bonito.
Aqueles tons de cinzento e vermelho davam um ar um bocado proletário à coisa.Proletário e panfletário. E margemsulístico:D

O outro estava decadente.
E só para o homenagear, e em sua memória, vou pôr umas fotos novas no meu blog. Ide, pois, visualizá-las.

Chimeer disse...

Sereis castigados.

Atentem que não deve tardar!

:P

g2 disse...

Estou atento. Mas olha que sou bonzinho, Chimeer.

E olha a comadre VD, também por aqui...

:)

VD disse...

Ah sim. Sem sardinhas e sem gasoil, vai ser pior que o Armagedão.

VD disse...

Cá estemos, compadre.
Ora vá lá espreitar o Albacora, vá lá.
É a metáfora do Vareta velhinho;)

tt disse...

Tanta gente gira!!!!!!!!!!!

Boa.

Pronto AdaZinho, diz lá o acto de contrição duas vezes, qu'a gente releva. :)

g2 disse...

Se também não há sardinhas é que é pior.
Lá sem gasoil a gente ainda passa, agora sem sardinhas, broa de milho e tinto de Pias... Isso é revolução, pela certa.

A revolução dos malmequeres...

Chimeer disse...

Levem-nos tudo, menos o tinto!

Anónimo disse...

SheQueVara!

Então é aquí que se pode abardinar à fartaz’ana?
E eu que achava que era a única com um problema com as simetrias e com os acentos, não dos assentos de sanita, mas dos gráficos, sobretudo quando são graves, por isso é que eu gosto dos apostrofes, nem para a esquerda nem para a direita, mas acho que
o titulo, isto é a parte funda do titulo ficou um bocadito à direita, não é?

Adas:
Magnifico texto, uma prosa extraordinária um clássico! Sem ofensa para o igualmente fantástico Vareta e restantes meninos* e meninas que andam aqui nesta roda inteira, mas a graciosidade pungente da tua escrita criativa, sensibiliza-me (HIHIHI!).

Hoss’Ana a todos vós



* à excepção do animal que puseram aí na coluna da direita e que num dos seus delírios megalómanos, resolveu intitular-se de priapo e que mal lhe disse que era bem capaz de vir aqui largar umas larachas à moda antiga, fez logo questão de vir aqui marcar território.

g2 disse...

Bons dias, bácoras e bácoros...

Retirado do comento de cima e com a devida vénia:

"...vir aqui largar umas larachas à moda antiga...".

Nem me atrevo a perguntar quem serás tu, ó amante dos apóstrofos.

:)

fininhO disse...

Eu cá quero é sardinhas! Caguei no gasóleo! Sandralho mete o combustivel no cu, bebe-o.

fininhO disse...

o sandrete mete o gasoil na bufa, veda com uma rolha e aguenta-se assim até se tornar em combustível fóssil...

sandro disse...

Tu queres é charro do alto aos empurrões.

Bom dia, pessoas.

sandro disse...

OFEL? não são estes gajos que fecharam a fábrica na Azambuja e agora têm de pagar 18milhões ao estado tuga?

fininho disse...

Vai tomar banho, pá... dá um mergulho no Sado, tresandas a fuel!

Assento da Sanita disse...

eu, ainda não meti combustível. Logo meto quando precisar, como sempre aliás....

fininho disse...

Quem precisa de candeia, que traga azeite.

sandro disse...

Mete as azeitonas no cu.

fininho disse...

(o sandro mete azeitonas na bufa e empurra-as com um piaçá)

fininhO disse...

E sardinhas, o gajo por esta altura é às dúzias de sardinhas pela bilha acima intercaladas com pimentos assados inteiros… o resto do ano vai-se entretendo com latas de sardinhas, umas com molho picante outras em óleo vegetal…

fininho disse...

a partir das 19 na Esplanada
GRANDE ARRAIAL NA FÁBRICA (Braço de Prata)
Caldo verde, sardinhas, festa e manjericos

Assento da Sanita disse...

E um clíster de caldo-verde? Hã?

Assento da Sanita disse...

E um de molho picante de sardinhas?
E de fígados de bacalhau em óleo?
E de polvo à galega?
E anchovas de escabeche?
Ou mexilhões em óleo?
Ou de lulas de tomatada?

Assento da Sanita disse...

E de pimentos morrones?

fininho disse...

(com o chouriço inteiro, que o cu do sandro não é nenhum mealheiro)

Assento da Sanita disse...

E um clíster com água de depenar galinhas e um cheirinho de anis escarchado?

E pêlos.

fininho disse...

E um de batido de caracóis e caracoletas?

Assento da Sanita disse...

E um clíster de suor?

Com pêlos.

fininho disse...

e outro de escarretas?

Assento da Sanita disse...

Foda-se. Nice. Com as cascas?

E um de corrimento amarelo e mal-cheiroso com grumos de candidíase?

fininho disse...

... esverdeadas

Assento da Sanita disse...

E um de vichisoise?

Com muitos pêlos.

sandro disse...

vocês são tão giros e promovem um ambiente de dar gosto...

fininho disse...

claro que é com cascas, moídinhas, para arranhar um bocadinho e fazer estrias.

Assento da Sanita disse...

E um só de pêlos, empurrados com uma piassaba? O chamado 'clister seco'?

Assento da Sanita disse...

Estrias já ele tem.

sandro disse...

...junta-lhe uns pistachios, uma colher de sopa de meita de grilo e serve-te!

fininho disse...

... que tu gostas já toda a gente sabe, aliás, tu és o provador oficial da Vara.

Sai um clíster de Quinta Cabriz aqui pró sandriol.

sandro disse...

Vai mugir a selecção do Tonga com essa boquinha d'anjo.

g2 disse...

Juízo... Ai o ca...raças!

sandro disse...

Olá, chavalo. Tá-se?

VD disse...

Sempre os mesmos. Cromos.

VD disse...

Diz ali em cima que "pode demorar algum tempo até que o seu comentário apareça no blogue"

Que o espírito monástico se apossou do adas já nós sabíamos.
Mas, o inquisitorial??

Dá que pensar.

sandro disse...

vaginásia, tá-se?

AMY WINEHOUSA-MOS !

fp&m disse...

Não fales, sandro, cheiras imenso a esporra. Andaste a "acartar" gasóleo?

sandro disse...

Tás bom, rabiló?

Atão, como vai a clientela lá no Castelo do Queijo? consta que conhecem-te lá pelo "peidinha saloia"...

fp&m disse...

Não respondes, finO?

g2 disse...

FPM, caro amigo, eles ontem foram ver os casamentos de Santo António, foram dar saltinhos à passagem das marchas populares, foram até ao Parque Eduardo VII, como habitualmente, lá pela madrugada acolhedora para os fins que imaginas.

Achas que estão em condições de responder seja ao que for?!

fp&m disse...

Devem estar com as nalgas em chaga, claro.

g2 disse...

Ora bem...

Assento da Sanita disse...

VD: eu explico. Era uma tentativa de confrontar, pelo ridículo, invertendo o objecto da crítica, as posturas inquisitoriais de que fui alvo e as sugestões nomeadamente de sectarismo para-religioso, devido a ter manifestado o meu ateísmo e uma certa conivência de posições com o Priapo mais a 'Associação', de que fui alvo. Tanto me dá, pois levo tudo na boa e ainda por cima tratamdo-se da tt, católica e pessoa altamente apreciada por mim.

É um lugar comum sem sentido, no entanto, dizer que o ateismo é uma postura para-religiosa que se define pela negativa (disse-o o Cardeal Patriarca), reunindo inconsistentemente as mesmas caracteristicas daquilo que nega. Tal coisa não tem qualquer nexo, por definição.

Foda-se que é preciso fazer um desenho!

fp&m disse...

ahahahahahah!!

Assento da Sanita disse...

Mas o que interessa são os clistéres. Ora bem. Centro-me hoje no clistér de esparguete carbonara com pêlos. Atafulhe-se o ceco com pelo menos meio quilo do prato, empurrando com um escovilhão. Os pêlos podem ser os do próprio, nomeadamemte aqueles da região peri-anal, que costumam ter aquelas catotas unindo os dois lados. Um inconveniente será arreganhar os ditos recto acima, pois. Cria-se assim uma situação comparável a uma 'auto-fagia', mas ao contrário porque é pelo cu e não pela boca. Uma auto-ania. Isto põe em problema. Pois, no limite, acha-se o sujeito virado do avesso, o que é francamente uma situação confrangedora. A comcomitante exposição dos orgãos internos e respectivo conteúdo pode conduzir a embaraços de diversa ordem. Vejamos. Os flatos e eructações são de fora para dentro, a comida, sangue, ar e o mais não se seguram. O sujeito derrama os fluidos ao deus-dará e suja tudo. Mais, é socialmente reprovável andar assim mesmo alegando ter-se tratado de uma consequência de uma forma algo extremada de terapia. Muitos olharão o sujeito como um insolvente que só quer chamar a atenção, cuspindo-lhe em cima. Mesmo alguns cães poderão aliviar-se nele.

Assento da Sanita disse...

Fp, não te cumprimentei. Venham lá esses ossos.

Anónimo disse...

faz aí um disenho, adas , si ff que não percebi

Anónimo disse...

tiene que ver con un abceso perianal?